Pular para o conteúdo

José – Método de evangelização

José - Método de evangelização
Roteiros

Efetue o login em sua conta para compartilhar sua sugestão.

José - Método de evangelização (Episódio AT)

A jornada do servo de Deus é marcada por um processo contínuo de transformação e refinamento dos seus comportamentos. Este processo pode ser comparado à lapidação de uma pedra preciosa, onde tanto o trabalho meticuloso quanto a remoção vigorosa de imperfeições são necessários para revelar a verdadeira beleza e valor da pedra. Assim também, na vida espiritual, o desenvolvimento de um servo dedicado exige não apenas a aquisição de novas virtudes, mas também a eliminação de hábitos e comportamentos prejudiciais que, se não forem tratados de maneira adequada, podem comprometer etapas futuras da caminhada cristã. Este processo de lapidação é crucial para a formação de um caráter sólido e resiliente, capaz de enfrentar os desafios e cumprir o propósito divino.

Tomemos como exemplo a história de José, um dos patriarcas do Antigo Testamento, cuja vida ilustra de maneira notável o processo de preparação e purificação a que Deus submete seus servos. Desde seus primeiros sonhos proféticos até seu surgimento como governador do Egito, José passou por inúmeras provações e períodos de intenso desbastamento pessoal. Essas experiências, embora dolorosas e muitas vezes incompreensíveis no momento, foram essenciais para moldar seu caráter, fortalecer sua fé e preparar-lhe para a grande responsabilidade que lhe seria confiada. Na trilha José – Método de evangelização, compreenderemos melhor como Deus trabalha para remover imperfeições e desenvolver em seus servos as qualidades necessárias para cumprirem suas missões de vida.

Leia a página principal da série

Você está lendo um método de evangelização que faz parte de uma série. Para um entendimento completo, leia a página inicial da série, que contém diversas informações importantes. Se você já leu, continue com a leitura!

Agulha Roteiros Bíblicos
2.6/5

Dificuldade da trilha: José passou por uma difícil lapidação para estar preparado para assumir uma posição de grande confiança. Inicialmente, José não estava preparado para ter acesso a informações que não poderiam ser compartilhadas. Compartilhar informações sensíveis, aliás, foi o início de todo o seu processo de preparação.

[...] Passando, pois, os mercadores midianitas, tiraram, e alçaram a José da cova, e venderam José por vinte moedas de prata aos ismaelitas, os quais levaram José ao Egito. [...]

José - Método de evangelização

José vendido como escravo

Passagem bíblica: Gênesis 37.28;
Descrição: José é vendido por seus irmãos a mercadores ismaelitas por vinte moedas de prata e levado ao Egito como escravo;
Princípio evangelístico: Deus pode usar circunstâncias adversas e dolorosas para preparar e posicionar Seus servos para futuros propósitos redentores.

José - Método de evangelização

José na Casa de Potifar

Passagem bíblica: Gênesis 39.2,3;
Descrição: o Senhor estava com José, e ele prosperou na casa de seu senhor egípcio, Potifar, que percebeu que o Senhor fazia tudo prosperar nas mãos de José;
Princípio evangelístico: a fidelidade e a integridade, mesmo em situações difíceis, servem como testemunho do poder e da presença de Deus na vida de seus servos.

José - Método de evangelização

A tentação e a falsificação de acusações

Passagem bíblica: Gênesis 39.12, 20;
Descrição: José resiste à sedução da esposa de Potifar, mas é falsamente acusado e lançado na prisão;
Princípio evangelístico: permanecer fiel a Deus em face da tentação e da injustiça reforça o testemunho de um caráter moldado pela fé, mesmo quando isso resulta em sofrimento.

José - Método de evangelização

José na prisão e a interpretação dos sonhos

Passagem bíblica: Gênesis 40;
Descrição: na prisão, José interpreta os sonhos do copeiro e do padeiro do Faraó, afirmando que as interpretações pertencem a Deus;
Princípio evangelístico: usar os dons espirituais para servir e ajudar os outros, mesmo em circunstâncias difíceis, demonstra a soberania e o poder de Deus através de Seus servos.

José - Método de evangelização

José interpreta os sonhos do Faraó

Passagem bíblica: Gênesis 41.1-37;
Descrição: Faraó chama José para interpretar seus sonhos. José responde que a interpretação é de Deus, e revela os sete anos de abundância seguidos por sete anos de fome;
Princípio evangelístico: a humildade e a atribuição do crédito a Deus abrem portas para maiores oportunidades de servir e testemunhar Sua grandeza.

José - Método de evangelização

Subida ao poder e administração da fome

Passagem bíblica: Gênesis 41.38-40;
Descrição: Faraó coloca José como governador do Egito, encarregado de preparar o país para a fome iminente, devido à sabedoria e discernimento que viu nele;
Princípio evangelístico: Deus eleva e capacita seus servos em posições estratégicas para a execução de Seus planos de salvação e provisão, beneficiando muitos.

José - Método de evangelização

Reunião com os irmãos e a providência divina

Passagem bíblica: Gênesis 45.7,8;
Descrição: José revela sua identidade aos irmãos e explica que Deus o enviou ao Egito para preservar a vida deles e de muitos outros durante a fome;
Princípio evangelístico: reconhecer e comunicar a providência divina em eventos passados fortalece a fé e a compreensão do plano redentor de Deus, mostrando que Ele trabalha todas as coisas para o bem daqueles que o amam.

Conclusão

José foi moldado por pessoas muito próximas, sendo suas experiências com seus irmãos, Potifar e sua esposa, e o Faraó sendo agentes fundamentais para seu crescimento e amadurecimento. Da mesma forma, não podemos esperar algo diferente quando realizamos atividades para o Reino de Deus. Em Gênesis 37, vemos como os irmãos de José, movidos por inveja, o venderam como escravo, iniciando um processo de sofrimento e aprendizado (Gênesis 37.28). Na casa de Potifar, apesar das injustiças, José desenvolveu habilidades de liderança e administração, sendo moldado pela adversidade (Gênesis 39.4-20). Na prisão, ele continuou a confiar em Deus e foi usado para interpretar sonhos, o que resultou na ação humana que o levou à posição de segundo no comando do Egito (Gênesis 41:14-41).

Como o ferro afia o ferro, assim o homem afia1 o seu companheiro.

Durante nosso serviço no Reino de Deus, seremos moldados e refinados por interações com outros servos e servas de Deus, que também estarão sendo moldados. Este processo, embora muitas vezes doloroso, incômodo e até decepcionante para um dos lados ou ambos, é essencial para o nosso crescimento espiritual e a realização dos propósitos de Deus em nossas vidas. Em Romanos 5.3,4, Paulo nos lembra que “a tribulação produz perseverança; a perseverança, um caráter aprovado; e o caráter aprovado, esperança.” Assim como José, que foi moldado por suas experiências difíceis para salvar muitas vidas durante a fome (Gênesis 50.20), Deus nos usa, moldados por Ele, para realizar Sua obra e salvar almas para o Seu Reino. Este processo de ser moldado, como descrito em Isaías 64.8, onde Deus é o oleiro e nós somos o barro, é um testemunho contínuo de Sua soberania e amor em preparar-nos para o Seu serviço.

Picture of Roteiros Bíblicos
Roteiros Bíblicos
A missão do Projeto Roteiros Bíblicos é proporcionar materiais educativos que incentivem as pessoas a levarem a sério Mateus 28.19, 20, Marcos 16.15, 2 Timóteo 4.1-4 entre outros.

1 comentário em “José – Método de evangelização”

Deixe um comentário

plugins premium WordPress

INSCRIÇÃO NO CURSO DE EVANGELISMO

  1. Clique no botão CRIAR CONTA;
  2. Faça o login usando sua conta Google;
  3. Após o login, você será direcionado automaticamente para a página do Curso de Evangelismo;
  4. Clique no botão INSCREVA-SE para iniciar o curso.
  5. Desejamos a você um excelente curso!
  1. Toque no botão CRIAR CONTA;
  2. Faça o login usando sua conta Google;
  3. Após o login, você será direcionado automaticamente para a página do Curso de Evangelismo;
  4. Toque no botão INSCREVA-SE para iniciar o curso.
  5. Desejamos a você um excelente curso!